5 séries com protagonistas femininas que precisam ser exaltadas

Listamos 5 produções da Netflix com histórias de mulheres incríveis para você rir e chorar.

Esse post carrega todo carinho, pois é repleto de séries queridinhas dos nossos corações, para que você curta essas produções incríveis, com protagonistas mais incríveis ainda. Passamos por todos os gêneros: comédia suspense, drama, novelão espanhol, etc. Tudo para que você possa se identificar com uma dessas histórias. Aproveite!

5. OUTLANDER (2014)

A série é uma adaptação dos livros da escritora Diane Gabaldon, que conta a história de uma enfermeira inglesa, Claire, recém-saída da Segunda Guerra que volta no tempo para a Escócia de 1790 e precisa lidar com o fato de estar num ambiente completamente desconhecido e dois séculos atrasado.

A história acontece sob o ponto de vista dela, já começa por aí, né. A maioria dos episódios são narrados por ela. O “olhar masculino” (ou “male gaze”) é uma forma de dizer que “esse produto cultural visualiza mulheres como um espetáculo a ser observado e apreciado por homens héteros”. Isso se reflete no ângulo da câmera, em como a nudez é usada de forma gratuita ou com utilidade narrativa. Em Outlander esse olhar é majoritariamente voltado para o homem e a sua nudez.

Se liga no trailer da série:

Divulgação: Starz

4. AS TELEFONISTAS (2017)

As telefonistas, ou Las Chicas del Cablo, é um drama espanhol, retratado nos anos 20, e é uma das melhores produções “escondidas” da Netflix. A obra nos mostrando a luta das mulheres contra o machismo em plena Espanha, dentro de uma empresa de telefones.

Tem super a cara de uma novela o que deixa a gente totalmente envolvido na vida das quatro mulheres: Angeles, Carlota, Lidia e Marga. A série tem um pé no feminismo e outro na política e traz histórias interessantes sobre o crescimento das empresas telefônicas na época e como a novidade trouxe uma perspectiva profissional para as mulheres da época: ser telefonista.

Assista o trailer oficial da série:

Divulgação: Netflix.

3 – UNBREAKABLE KIMMY SCHMIDT (2015)

Essa série é o famoso “tem que rir pra não chorar”, ela é produzida e roteirizada por Tina Fey, que já fez zilhões de coisas na TV e no cinema, como 30 Rock (2006) e Meninas Malvadas (2004). Kimmy tem uma história totalmente bizarra e provavelmente muitos traumas, mas o roteiro é totalmente voltado para a comédia. Nada faz o menor sentido na vida da personagem e talvez seja isso que mereça nossa atenção.

A produção carrega um humor diferente e ao longo do tempo você vai se adaptando a ele. Têm referência de muita coisa, tipo muita mesmo, e a gente ama uma referência, né?! As piadas caminham nesse espaço cultural-político e com muitas abordagens relevantes para o mundo, como racismo, xenofobia, feminismo, misoginia, entre outros.

Vale demais a pena maratonar.

Esse clipe da Kimmy dá um gostinho de como é bom rir com essa mulher:

Divulgação: Netflix

2 – ALIAS GRACE (2017)

Provavelmente você conheça The Handmaid’s Tale, que é inspirada no livro da Margaret Atwood. Então, a mesma escritora tem outro livro que também virou série, talento que fala, né?! Alias Grade conta a história de Grace, uma menina que sai da Irlanda pra tentar a vida no Canadá, em meados no século XIX. Ela acaba se tornando doméstica na casa da família Kinnear, e é acusada de assassinar o patrão e a governanta.

O enredo se desenvolve nos temas de violência contra a mulher e o valor dela na sociedade da época. São seis episódios de puro nervosismo.

Olha só esse trailer:

Divulgação: Netflix

Últimas notícias

1 – GRACE AND FRANKIE (2015)

Em primeiríssimo lugar: a história sensacional dessas duas mulheres incríveis. Como não exaltamos essa perfeição todos os dias?

Primeiro, a série é protagonizadas por Jane Fonda e Lily Tomlin, pois é. A história começa quando as duas se divorciam de seus maridos, os quais assumem sua relação homossexual vivida durante décadas. Na divisão de bens elas acabam indo morar na mesma casa, com personalidades completamente diferentes precisam conviver juntas e se adaptar a tudo que estão vivendo.

A amizade improvável as ajuda a lidar com a auto estima na terceira idade, sexualidade, menopausa, etc. Isso resulta em vários episódios engraçando e emocionantes.

Divulgação: Neflix

Esperamos que você aproveite essa seleção de produções sensacionais, feitas especialmente para você maratonar. Sentiu falta de alguma série, conta pra gente aqui nos comentários.

Confira outros conteúdos do Protagonista:

A grandeza das produções cinematográficas dirigidas por mulheres

Embora 2019 tenha sido um ano cheio de filmes de sucesso dirigidos por elas, diretoras de cinema ainda precisam de mais reconhecimento. A indústria do cinema continua sob o comando de homens. Por maior que seja o número de mulheres talentosas nesse ramo, a discrepância no reconhecimento entre homens e mulheres ainda é consideralmente alta.… Leia Mais “A grandeza das produções cinematográficas dirigidas por mulheres”

A onda de produzir remakes de sucesso apenas com mulheres

Representatividade ou lucro? Qual o intuito das releituras de franquias famosas protagonizadas por mulheres? Historicamente, Hollywood nunca foi muito gentil com as mulheres. Dos primeiros filmes trazendo o estereótipo de mulheres ricas e malvadas em nossas mentes, ao teto de vidro quase inquebrável, a indústria cinematográfica favorece fortemente as produções dirigidas por homens. Em muitos… Leia Mais “A onda de produzir remakes de sucesso apenas com mulheres”

6 comentários em “5 séries com protagonistas femininas que precisam ser exaltadas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s